Transforma

URSO / THE SCREENING CABINET

Posted in 1 by transforma on Setembro 30, 2010

“A monster is an imaginary animal compounded of incongruous elements.”
Gonçalo Alegria (PT) / Miguelangelo Veiga (PT)
Vídeo

«URSO não é um trabalho auto-biográfico ainda que seja um retrato pessoal, onde se encontram contidos uma travessia na neve, um calendário de eventos pessoais do solstício de Inverno até ao solstício de Verão do presente ano de 2010. As sequências de imagens são construídas e executadas acompanhando otrajecto do urso ao longo desse tempo. O urso é um símbolo para a ineficiência humana, do excesso e brutalidade. Constrói-se ainda um paralelo à ideia de monstro, referencia à obra musical de David Thomas, Monster Walks the Winter Lake.» Gonçalo Alegria

THE SCREENING CABINET é um «projecto que se pretende itinerante e que consiste, essencialmente, na projecção de uma série de oito vídeos (cada um deles realizado por um autor diferente), a decorrer durante oito semanas, contínuas desde a sua primeira exibição e num determinado espaço de acolhimento. Este projecto foi pensado com o foco dirigido às diferenças de conteúdo na realização entre as obras de autores que vêm de Artes Plásticas e autores que vêm do Cinema Documental e de Ficção. Um dos principais objectivos desta apresentação é experimentar o modo como esta disciplina se afasta, ou não, do domínio do Cinema e/ou do lado contemplativo atribuído a uma acção repetida ad aeternum, ou de uma imagem estática como acontece na Pintura ou no Desenho. Para isso, e procurando contrariar o comportamento mais comum do observador quando assiste a um objecto vídeo com estas características, num espaço galerístico ou museológico, o público desta mostra é convidado a assistir ao vídeo como se
de um objecto cinematográfico se tratasse.»   Miguelangelo Veiga

Urso / The Screening Cabinet
Realizado por Gonçalo Alegria / Comissariado por Miguelangelo Veiga

Data e Local
Inauguração às 19h, 01 Outubro (Sexta-feira)
Exibição às horas certas (13h, 14h, 15h, 16h, 17h e 18h) entre 01 e 07 de Outubro
Transforma, Praça Municipio 8, Torres Vedras

Formato e Duração
Projecção de Vídeo, 8’

Público Alvo
Todo o tipo de público

Organização
Teatro-Cine em parceria com Transforma

________________________________________________________________________________________

URSO / THE SCREENING CABINET
Gonçalo Alegria (PT) / Miguelangelo Veiga (PT)
Video

«URSO isn’t an autobiographical work though it is a personal portrait, where are found a crossing in the snow, a calendar of personal events from the  Winter’s Solstice till Summer’s Solstice of the present year 2010 contained.
The pictures sequences are constructed and executed following the bear’s route through time. The bear is a symbol for the human inefficiency, the excess and brutallity. It is yet constructed in parallel the idea of monster, reference to the musical work of David Thomas, Monster walks the Winter Lake»   Gonçalo Alegria

THE SCREENING CABINET an «itinerant project that consists essentially on the projection of eight videos (each one directed by a different author), for eight continuous weeks since the first exhibition and on a specific space.
This project was thought with a focus on the differences of content and direction between the works of authors that come from Plastic Arts and authors that come from the  Documentary and Fiction Cinema.
One of the main goals of this presentation is to experiment the way that this discipline grows apart, or not, from Cinema’s domain and/or from the reflexive side assigned by a repeated action ad aeternum, or of a static image as in Painting or Drawing. For that, and seeking to counteract the common behavior of the observer when assisting a video object with this specifications, on a gallery or museum space, the audience of this exhibition is invited to watch the video as if it was a Cinematographic object. »
Miguelangelo Veiga

Urso / The Screening Cabinet
Directed by Gonçalo Alegria / Commissioned by Miguelangelo Veiga

Date and Local
Opening 7pm, 1st October (Friday)
Exhibitions every hour (1pm, 2pm, 3pm, 4pm, 5pm) between 1st and 7th October
Transforma, Praça Municipio 8, Torres Vedras

Format and Duration
Video Projection, 8’

Target Audience
All public

Organization
Teatro-Cine in partnership with Transforma

ÁFRICA FANTASMA

Posted in 1 by transforma on Setembro 28, 2010

João Samões (PT)
Residência de Criação

Os meus últimos trabalhos; a performance Blackout e a peça O Labirinto a Morte e o Público, foram reflexões estéticas e performativas sobre a morte e os limites da representação do corpo. Ossos, flores e frutos, foram a matéria-prima iconográfica para uma (doce) celebração da vida e da morte. A dramaturgia desta nova
criação foi guiada e assombrada pela “África fantasma” de Michel Leiris, um texto etnográfico saturado de sombras de um passado colonial familiar á nossa história colectiva. O texto foi utilizado e manipulado como um mapa a percorrer (trilhar e triturar) e uma superfície de projecção (tela e ecrã) para os meus próprios
fantasmas.

Nasceu em Lisboa, em 1970. Estudou Antropologia, técnicas de improvisação e composição coreográfica em Lisboa e Nova Iorque. Entre 1991 e 1996, colaborou como actor, performer e dramaturgo com a companhia de teatro Olho. Intérprete de dança contemporânea em criações de Francisco Camacho (1997 e 1998) e Vera Mantero (2001 e 2002). Em 1998, foi convidado para o Crashlanding@Lisboa, um projecto internacional
de improvisação concebido por Meg Stuart. Excertos da coreografia 18 Minutos no filme de Edgar Pêra: Movimentos perpétuos um tributo ao músico Carlos Paredes. Criou as peças; 18 Minutos (2000), Zonas de Ruidosa Influência (2004), O Labirinto a Morte e o Público (2007), Blackout (2008), África fantasma (2010).
O seu trabalho como criador e intérprete tem sido apresentado em Portugal, Espanha, França, Itália, Bélgica, Áustria e México.

Data e Local
Período de Residência: 23 de Setembro a 01 de Outubro
Transforma, Praça Municipio 8, Torres Vedras
Estreia no Festival Temps d`Images em Novembro

Público Alvo
Todo o tipo de público

Co-Produção
DuplaCena, Temps d`Images

Apoios e Residências
Fundação Calouste Gulbenkian, Tanzfabrik, Transforma, Jardim Zoológico de Lisboa, Instituto Franco-Português

Para mais informações clique aqui e aqui
_____________________________________________________________________________________

ÁFRICA FANTASMA
João Samões (PT)
Artistic Residence

I’m interested in the way in which the images of other cultures contaminate our own images, feed and reorganize our vision and perception of the world, incorporate and transform our imagery. Michel Leiris went on the first French ethnographic expedition to Africa, like a man who lost his shadow, no longer as a member of the French surrealist group, yet still imbued with that historical experience, both revolutionary and libertarian. Dreams, drift and chance, primitive art, sex and adventure, attraction for madness and death; all opposites to an increasing and ferocious capitalist and scientific rationalism, expanding the possibilities of
human experience. Africa becomes an immense territory where he projects his fantasies and phantoms. The text (Phantom Africa) was used and manipulated like a map to travel across and as a surface of projection (canvas) for my own phantoms.

João Samões was born in Lisbon in 1970. He studied Anthropology, improvisation techniques and choreographic composition in Lisbon and New York. As an actor, performer and dramatist he collaborated, with the theatre company Olho (1991-1996). As a dance performer he has worked with the Portuguese choreographers Francisco Camacho (1997 and 1998) and Vera Mantero (2001 and 2002). In 1998 he participated in Crashlanding@Lisbon, an international improvisation project by Meg Stuart. He created the pieces: 18 Minutes (2000), Zones of Noise Influence (2004), The Labyrinth, Death and the Audience (2007), Blackout (2008), Phantom Africa (2010).

Date and Local
Residence period: from 23rd September till 1st October
Transforma, Praça Municipio 8, Torres Vedras
Premiere on the Festival Temps d`Images in November

Target Audience
All public

Co-Production
DuplaCena, Temps d`Images

Supports and Residencies
Fundação Calouste Gulbenkian, Tanzfabrik, Transforma, Jardim Zoológico de Lisboa, Instituto Franco-Português

For more information click here and here

MARY / THE SCREENING CABINET

Posted in 1 by transforma on Setembro 24, 2010

Pedro Maia (PT) / Miguelangelo Veiga (PT)
Vídeo

Pedro Maia (PT) / Miguelangelo Veiga (PT)
Vídeo

«Percepção do tempo, do espaço e da imagem, perturbando e desorientando o espectador. Através da imagem, do som, do meio, do próprio suporte e das diferentes formas como estes afectam um determinado espaço, ambiente e público, e inspirado pelos estudos sensoriais ópticos, este projecto surge da fixação na abstracção, na autonomia dos meios e dos materiais, oposta à pratica da narrativa clássica. Partindo das propriedades elementares do cinema, a luz e sombra, e da relação de planos sensoriais diferentes como a audição e a visão, procura-se criar uma série de fenómenos provocados por uma condição neurológica sobre a qual não temos controlo e que nos permite conseguir mais para além do que é óbvio, visível e audível.» Pedro Maia

THE SCREENING CABINET é um «projecto que se pretende itinerante e que consiste, essencialmente, na projecção de uma série de oito vídeos (cada um deles realizado por um autor diferente), a decorrer durante oito semanas, contínuas desde a sua primeira exibição e num determinado espaço de acolhimento.
Este projecto foi pensado com o foco dirigido às diferenças de conteúdo na realização entre as obras de autores que vêm de Artes Plásticas e autores que vêm do Cinema Documental e de Ficção. Um dos principais objectivos desta apresentação é experimentar o modo como esta disciplina se afasta, ou não, do domínio do Cinema e/ou do lado contemplativo atribuído a uma acção repetida ad aeternum, ou de uma imagem estática como acontece na Pintura ou no Desenho. Para isso, e procurando contrariar o comportamento mais comum do observador quando assiste a um objecto vídeo com estas características, num espaço galerístico ou museológico, o público desta mostra é convidado a assistir ao vídeo como se de um objecto cinematográfico se tratasse.»    Miguelangelo Veiga

Mary / The Screening Cabinet
Realizado por Pedro Maia / Comissariado por Miguelangelo Veiga

Data e Local
Inauguração às 19h, 24 Setembro (Sexta-feira)
Exibição às horas certas (13h, 14h, 15h, 16h, 17h e 18h) entre 27 e 30 de Setembro
Transforma, Praça Municipio 8, Torres Vedras

Formato
Projecção de Vídeo

Público Alvo
Todo o tipo de público

Organização
Teatro-Cine em parceria com Transforma

________________________________________________________________________________________

MARY / THE SCREENING CABINET
Pedro Maia (PT) / Miguelangelo Veiga (PT)
Video

«Perception of time, space and image, disturbing and disorienting the spectator. Through image, sound, media, physical support in itself and the different ways of how these affect a specific space, environment and public, and inspired by optical & sensory studies, this project emerges from the fixation in abstraction, from the
autonomy of media and materials, opposite to the classical narrative practice. Starting from the elementary properties of cinema, light and shadow and the relation of different sensorial levels, like hearing and vision, it seeks to create a series of phenomenons caused by a neurological condition on which we have no control and that allows us to go further beyond the obvious, visible and audible.»    Pedro Maia

THE SCREENING CABINET an «itinerant project that consists essentially on the projection of eight videos (each one directed by a different author), for eight continuous weeks since the first exhibition and on a specific space.
This project was thought with a focus on the differences of content and direction between the works of authors that come from Plastic Arts and authors that come from the  Documentary and Fiction Cinema.
One of the main goals of this presentation is to experiment the way that this discipline grows apart, or not, from Cinema’s domain and/or from the reflexive side assigned by a repeated action ad aeternum, or of a static image as in Painting or Drawing. For that, and seeking to counteract the common behavior of the observer when assisting a video object with this specifications, on a gallery or museum space, the audience of this exhibition is invited to watch the video as if it was a Cinematographic object. »
Miguelangelo Veiga

Mary / The Screening Cabinet
Directed by Pedro Maia / Commissioned by Miguelangelo Veiga

Date and Local
Opening 7pm, 24th September (Friday)
Exhibitions every hour (1pm, 2pm, 3pm, 4pm, 5pm) entre 27 e 30 de Setembro
Transforma, Praça Municipio 8, Torres Vedras

Format
Video Projection

Target Audience
All public

Organization
Teatro-Cine in partnership with Transforma

ESTRADA MILITAR / THE SCREENING CABINET

Posted in 1 by transforma on Setembro 14, 2010

Monica de Miranda (PT) / Miguelangelo Veiga (PT)
Vídeo

ESTRADA MILITAR é um «vídeo sobre uma viagem que traça, como que numa busca arqueológica,
a paisagem da antiga da Estrada Militar de Lisboa, construída em torno da cidade. No passado,
era usada para proteger Lisboa contra as invasões no início do séc. XIX. Actualmente, parte desta
estrada desapareceu, mas naquilo que são os seus restos, ela prolonga-se por 45km à volta da
cidade e é ocupada por bairros sociais e guetos.

Estrada Militar pretende tornar visível a população imigrante que vive na periferia de Lisboa.
O “Forte da Europa” encontra aqui um território histórico que protege a cidade de novas invasões
estrangeiras, mas onde podemos encontrar, talvez por serem arredores e margens inacabadas
e em permanente reconstrução, outras formas de urbanidade que redefinem constantemente
a cultura e a identidade dos lugares e das pessoas. Este trabalho é parte de um projecto intitulado
Underconstruction, desenvolvido em Lisboa durante o ano de 2009 com o geógrafo/urbanista
e curador Paul Goodwin.»
                                                                                              Monica de Miranda

THE SCREENING CABINET é um «projecto que se pretende itinerante e que consiste, essencialmente,
na projecção de uma série de oito vídeos (cada um deles realizado por um autor diferente), a decorrer
durante oito semanas, contínuas desde a sua primeira exibição e num determinado espaço de acolhimento.
Este projecto foi pensado com o foco dirigido às diferenças de conteúdo na realização entre as obras de
autores que vêm de Artes Plásticas e autores que vêm do Cinema Documental e de Ficção. Um dos
principais objectivos desta apresentação é experimentar o modo como esta disciplina se afasta, ou não,
do domínio do Cinema e/ou do lado contemplativo atribuído a uma acção repetida ad aeternum, ou de
uma imagem estática como acontece na Pintura ou no Desenho. Para isso, e procurando contrariar o
comportamento mais comum do observador quando assiste a um objecto vídeo com estas características,
num espaço galerístico ou museológico, o público desta mostra é convidado a assistir ao vídeo como se
de um objecto cinematográfico se tratasse.»
                                                                                              Miguelangelo Veiga

Estrada Militar / The Screening Cabinet
Realizado por Monica de Miranda / Comissariado por Miguelangelo Veiga

Data e Local
Inauguração às 19h, 17 Setembro (Sexta-feira)
Exibição às horas certas (14h, 15h, 16h, 17h e 18h) entre 20 e 23 de Setembro
Transforma, Praça Municipio 8, Torres Vedras

Formato e Duração
Projecção de Vídeo (20’21”)

Público Alvo
Todo o tipo de público

Organização
Teatro-Cine em parceria com Transforma

________________________________________________________________________________________________
ESTRADA MILITAR / THE SCREENING CABINET
Monica de Miranda (PT) / Miguelangelo Veiga (PT)
Video

ESTRADA MILITAR is a «video about a journey that draws almost as in a archeological site, the landscape
of the former Lisbon’s Military Road, built around the city. On the past, it was used to protect Lisbon against the
french and english invasions. Today, part of this road is vanished, but on what remains, the road continues
along 45km around the city and is occupied by social boroughs and ghettos.
Estrada Militar pretends to make visible the immigrant population that lives in Lisbon periphery.
The ‘Forte da Europa’ (Europe’s Fort) finds an historical territory that protects the city from the foreign
invasions, but where we can find, maybe for being unfinished surroundings and margins, and in
permanent reconstruction, other ways of urbanity that redesign constantly the culture and identity
of space and people. This work is part of a project named Underconstruction, developed in Lisbon
during 2009 with the geographer/urbanist and curator Paul Goodwin.»
Monica de Miranda

THE SCREENING CABINET an «itinerant project that consists essentially on the projection
of eight videos (each one directed by a different author), for eight continuous weeks since the first
exhibition and on a specific space.

This project was thought with a focus on the differences of content and direction between the works of authors
that come from Plastic Arts and authors that come from the  Documentary and Fiction Cinema.
One of the main goals of this presentation is to experiment the way that this discipline grows apart, or not, from
Cinema’s domain and/or from the reflexive side assigned by a repeated action ad aeternum, or of a static image
as in Painting or Drawing. For that, and seeking to counteract the common behavior of the observer when
assisting a video object with this specifications, on a gallery or museum space, the audience of this exhibition is
invited to watch the video as if it was a Cinematographic object. »
Miguelangelo Veiga

Estrada Militar / The Screening Cabinet
Directed by Monica de Miranda / Commissioned by Miguelangelo Veiga

Date and Local
Opening 7pm, 17th September (Friday)
Exhibitions every hour (2pm, 3pm, 4pm, 5pm) entre 20 e 23 de Setembro
Transforma, Praça Municipio 8, Torres Vedras

Format and Duration
Video Projection (20’21”)

Target Audience
All public

Organization
Teatro-Cine in partnership with Transforma

ACONTECEU… MUDA-I-FICA, 11 SETEMBRO 2010

Posted in 1 by transforma on Setembro 12, 2010

                                                                                         

Créditos: Fábio Bacelar Moreira, Pedro Teixeira, Sara Correia

ACONTECEU… RITMICAL DA RUA, 4 JULHO

Posted in 1 by transforma on Setembro 8, 2010

               

OFICINAS DE EXPRESSÃO ARTÍSTICA

Posted in 1 by transforma on Setembro 2, 2010

Magda Matias (PT)
Formação e Projecto Educativo
Durante 2010, a Transforma trabalhou com Magda Matias e a Estufa – Plataforma Cultural, em parceria no desenvolvimento de algumas actividades de formação e projecto educativo, numa tentativa de dinamizar actividades diversificadas no centro histórico, de ligação destas com propostas programáticas próprias e ainda como formação permanente de públicos através de oferta multidisciplinar e distinta da existente.
O primeiro resultado são estas Oficinas de Expressão Artística que têm como objectivo possibilitar o uso expressivo de diferentes linguagens artísticas por parte das crianças: dar lugar ao exercício  das suas capacidades criativas e introduzir a cultura artística como processo integrado no seu desenvolvimento global.
Estas Oficinas, pensadas e orientadas por uma equipa multidisciplinar, constituem uma oportunidade única de acesso e contacto com diversas expressões artísticas propiciadoras de uma evolução harmoniosa quer da psicomotricidade quer das esferas afectiva e cognitiva.

Concepção / Coordenação
Magda Matias (PT)

Organização / Produção 
Estufa – Plataforma Cultural / EPÁ! Educação pela Arte e Serviço Educativo da ESTUFA – Plataforma Cultural
em parceria com Transforma

Orientadores
Cátia Reixa, animadora sociocultural, módulo de Expressão Dramática
Dulce Alves, educadora de infância, módulo de Expressão Corporal
José Menezes, músico, módulo de Expressão Musical
Leonor Brilha, artista plástica, módulo de Expressão Plástica

Data e Local
A partir de 11 de Setembro até Junho 2011 na Transforma
Praça Municipio 8, Torres Vedras

Público Alvo
Grupo A  (4 aos 6 anos) / Mensalidade: 15€
Sábados, 11H às 12H30 (8 vagas disponíveis)   
Grupo B (6 aos 10 anos) /  Mensalidade: 20€
Sábados, 15H às 18H (5 vagas disponíveis)
(Máximo 12 crianças por grupo) 

Inscrições
T: +351 912 884 530
E: serviço.educativo@estufa.pt

___________________________________________________________________________________

Artistic Expression Workshop
ESTUFA (PT)
Workshop

During 2010, Transforma worked with Magda Matias (PT) and Estufa – Plataforma Cultural to develop and deliver in partnership some training and educational project activities, in an attempt to dynamize diversified activities in the historical centre, in the collaboration with our own programmatic offers and as permanent audience education program through a multidisciplinar and distinctive offer.
The first outcome are these Oficinas de Expressão Artística (artistic expression workshops) that have as primary goal to allow the expressive use of different artistic languages by children: to exercise their creative capacities and to introduce the artistic culture as an integrated process of their global development.
The workshops, designed and guided by a multidisciplinary team are a unique opportunity to access and contact with several artistic expressions that support a balanced evolution, of both the psychomotricity as well as affective and cognitive spheres.

Conception / Coordination
Magda Matias (PT)

Organization / Production
Estufa Plataforma Cultural / EPÁ! Educação pela Arte e Serviço Educativo da ESTUFA – Plataforma Cultural
in partnership with Transforma

Guidance
Cátia Reixa, sociocultural animator, dramatic expression module
Dulce Alves, childhood educator, body expression module
José Menezes, musician,  musical expression module
Leonor Brilha, painter, plastic expression module

Date and Local
Beginning 11th  September till June 2011
Transforma, Praça Municipio 9, Torres Vedras

Target Audience
Group A  (4 to 6 year old) / Monthly Fee: 15€
Saturdays, 11H to 12H30 (8 places available)   
Group B (6 to 10 year old) / Monthly Fee: 20€
Saturdays, 3pm to 6pm  (5 places available)
(Max 12 children per group) 

Registrations
T: +351 912 884 530
E:
serviço.educativo@estufa.pt